Dica de academia: acessórios que ajudam a melhorar seus treinos de musculação Eles ajudam a levantar mais peso, mas usá-los em excesso pode ser prejudicial gplus
   

Dica de academia: acessórios que ajudam a melhorar seus treinos de musculação

Eles ajudam a levantar mais peso, mas usá-los em excesso pode ser prejudicial

Confira Também

Que a tecnologia revoluciona a maneira de se fazer esportes já não é novidade. Muito por conta do desenvolvimento da medicina esportiva e das técnicas de treinamento, recordes são sucessivamente quebrados e os limites do ser humano são redescobertos a cada grande prova.

Obviamente, nem todos os esportistas amadores podem se dar ao luxo de ter um preparador físico particular que fornece treinos direcionados para seu físico. Entretanto, existem outras maneiras de conseguir melhores resultados na academia a partir de medidas simples. Por exemplo, já está mais que comprovado que treinar ouvindo música pode melhorar o desempenho. Outra maneira que pode garantir uma performance ainda maior nos ginásios é a utilização de alguns tipos de acessórios. Contudo, eles são mais recomendados para exercícios mais pesados e seu uso indiscriminado pode prejudicar a qualidade do treino. Veja mais:

Cinturão
Bastante usado em treinos de agachamento, o cinturão tem como função principal estabilizar a região do core por meio da compreensão. Apesar de melhorar o desempenho em movimentos que sobrecarregam os músculos abdominais, pode ser prejudicial usá-lo em todos os treinos justamente por atrapalhar o desenvolvimento dessa musculatura.

Luvas
Muito usadas pelas mulheres que não querem ter calos nas mãos, a luva também pode ser benéfica para os homens que não ligam para isso. Como a luva impede que o suor das mãos deixe as barras molhadas e escorregadias, esse acessório pode ser bastante útil para executar exercícios que exigem pegadas mais firmes. Mas, é preciso escolher o modelo que mais se adequa às suas necessidades.

No geral, quanto mais aderência e menos espessa for a luva melhor ela é. Luvas grossas, além de esquentar mais as mãos, também aumentam a circunferência da pegada e consequentemente  dificultam o levantamento do peso.



Munhequeira 
O punho é uma das articulações que mais ficam expostas durante os treinos, principalmente os de antebraço. Para evitar que ele seja forçado demais e dar maior estabilidade ao exercício, muitos costumam utilizar a munhequeira, que restringe parcialmente seu movimento. No entanto, ela deve ser usada somente quando for fazer treinos mais intensos, caso contrário o punho não desenvolverá o bastante para aguentar maiores peso.

Pó de magnésio
Outra opção para garantir maior aderência da pegada é o pó de magnésio – aquele mesmo utilizado por ginastas olímpicos e levantadores de peso. Apesar de não ser muito utilizado nas academias – em algumas sequer pode ser usado – ele pode ser bastante útil já que elimina o suor das mãos e dá mais firmeza ao movimento. Seu uso é mais recomendado para realizar exercícios que exigem rotação de pegada durante sua execução. Seu uso em excesso pode deixar a mão ressecada.

Tênis de levantamento de peso
Apesar dos marombeiros não irem ao ginásio com o intuito de ficar na esteira, os tênis mais utilizados nas academias são os de corrida. No entanto, esse não é o melhor tipo de calçado para musculação. Feitos para absorver o impacto e dissipá-lo, os tênis de corrida causam instabilidade pelo fato do pé afundar ao levantar muito peso. Já os tênis feitos para esse tipo de atividade possuem sola plana e rígida para proporcionar melhor aproveitamento da força exercida sobre o solo. Caso o preço dos tênis específicos para musculação for pesar no bolso, uma alternativa é usar os de estilo All-Star, que também têm solas planas e mais rígidas que os de corrida.