5 Fatos sobre o pênis torto O desvio pode não incomodar alguns, mas outros estão dispostos a entrar na faca para corrigi-lo. Será que é possível tratar o mal? gplus
   

5 Fatos sobre o pênis torto

O desvio pode não incomodar alguns, mas outros estão dispostos a entrar na faca para corrigi-lo. Será que é possível tratar o mal?

Confira Também

O jeito que o seu pênis passa o dia todo na cueca pode acabar deixando ele torto com o tempo? Ou, talvez, seja isso que passa pela sua cabeça (de cima, é claro) se você já apresenta uma curvatura, digamos, mais acentuada. Mas a pergunta que vem depois é: será que isso tem ‘conserto’, se é que podemos tratar as coisas assim? Bem, pra começar, mesmo que o seu seja reto (da sua perspectiva, é claro), na verdade o órgão genital masculino nunca traça uma linha perfeita no ar quando ereto. E para sanar todas as outras dúvidas, o AreaH bateu um papo exclusivo com o Dr. Bernardo Xavier, urologista do Centro de Reprodução Assistida Origen. Porque, para o que o pênis serve, a gente já aprendeu:

“O que é o pênis? No seu estado normal, é um apêndice ridículo, flácido, que realiza funções excretoras automáticas. Mas, se provocado pelo desejo, ele passa por incríveis metamorfoses que lhe dão a capacidade de ter prazer, de dar prazer e de criar vida. Se não há desejo é inútil que a cabeça lhe dê ordens. A inteligência é como um pênis”, defende Rubem Alves, psicanalista e professor emérito da UNICAMP em entrevista a Antônio Abujamra no programa Provocações da TV Cultura. 

Veja a seguir cinco verdades sobre o pênis torto:

1. Você pode nascer com o membro torto, ou ele pode entortar
As curvaturas penianas podem ser divididas, basicamente, em dois tipos principais: as congênitas, que já nascem com o paciente, e as adquiridas, que neste caso recebem o nome de Doença de Peyronie. A Doença de Peyronie não possui uma causa definida para a fibrose que ocorre no corpo cavernoso do pênis e nas camadas internas do pênis, a causa pode ser um processo inflamatório ou mesmo mínimo trauma.

2. O conforto é que determina o que vai acontecer na cama
Um pênis torto pode ser um problema para manter relações sexuais? Quais são as posições sexuais mais recomendadas para quem tem o pênis torto? A escolha da forma de penetração e as posições para a relação sexual dependerá do conforto do paciente e da parceira durante o ato sexual, não existe uma restrição médica ou recomendação especifica para todos os pacientes. O conforto deve ser o fator determinante para a escolha de posições e formas de relacionamento.

3. A curvatura não é sinônimo de dor ou dificuldade de penetração
A curvatura do pênis durante a ereção, em casos mais severos, pode complicar a penetração ou causar dor ao paciente. Por outro lado, em até 40% dos pacientes, o desvio não acarreta dificuldades.

4. Há mais do que uma maneira de tratar 
Diversos tratamentos podem ser indicados, como uso de anti-inflamatórios e vitamina E, com a finalidade de reduzir a intensidade da curvatura. Porém, o uso desses medicamentos deve ser feito apenas com a indicação exclusiva de um especialista, que precisa avaliar individualmente cada caso para determinar a possibilidade de melhora. 

5. Existe a opção de entrar na faca, mas é o médico quem decide se há necessidade
O médico deve sempre transmitir ao paciente tranquilidade para aguardar um tempo após o aparecimento do primeiro sintoma da curvatura. Somente depois de um período de aproximadamente um ano pode ser que seja identificada a necessidade de cirurgia. Esse intervalo é fundamental para o resultado da correção definitiva da curvatura.

Quer saber como resolver esse problema? Confira aqui.