Produtos para usar na barba de acordo com o tamanho dos fios Nem todas as barbas devem ser tratadas da mesma forma. Saiba como cuidar da sua gplus
   

Produtos para usar na barba de acordo com o tamanho dos fios

Nem todas as barbas devem ser tratadas da mesma forma. Saiba como cuidar da sua

Confira Também

Deixar a barba crescer com o pretexto de abandonar o barbeador é um equívoco que você provavelmente já conhece. Manter a barba limpa e saudável, certamente, dá mais trabalho do que raspá-la.

Quanto maior for o tamanho da barba, mais cuidado você deve tomar. Os pelos faciais não crescem de forma uniforme e ficam bem mais secos e crespos do que os do cabelo. Só aquele condicionador não vai dar conta. Mas existe saída.

Apesar de raramente serem vendidos em farmácias ou supermercados, existem diversos produtos para barba que são feitos e vendidos no Brasil, em sua maioria, pela internet. Balm, creme, óleo, shampoo e condicionador especiais, são alguns dos cosméticos feitos especialmente para a barba. Cada um deles tem sua função e momento certo para ser usado, que, em geral, varia de acordo com o tamanho da barba. Confira.

Barba rala
Nesse estágio não há a necessidade de usar hidratantes específicos para a barba. Por conta dos pelos ainda estarem curtos, a própria oleosidade da pele se incumbe de não deixar os fios ressecados. Apesar de barbas ralas não exigirem gastos com produtos especiais, é fundamental raspar as laterais de forma que mantenha o desenho.



Barba cerrada
Esse é o momento da afirmação, quando a barba ganha maior destaque no rosto e deixa para trás o aspecto de “por fazer”. Também é nessa fase que fios começam a se rebelar e a ficar secos. Para hidratar, controlar e dar mais brilho aos fios recomenda-se o uso de cremes para barbas. Essa também é uma boa hora para começar a usar shampoos e condicionadores específicos para os pelos faciais. Diferentes daqueles feitos para cabelos, os shampoos e condicionadores de barba agem em conjunto com a oleosidade corporal (o que é bom para a hidratação) e irritam menos a pele facial, que é mais sensível do que a do couro cabeludo.

Barba média
Parabéns, definitivamente, você já pode ser considerado um barbudo! O lado ruim dessa história é que os pelos vão ficar ainda mais secos e rebeldes. Por isso, cuidado em dobro! Use tudo que você deveria usar quando a barba ainda estava cerrada e também óleo, que é mais potente que o creme no quesito hidratação e brilho. Entretanto, como eles possuem aromas fortes, é possível que você não se adapte aos óleos. Se sua pele for propícia a ter espinhas, dê preferência aos óleos menos concentrados e não usem-os com cremes.

Além de todo tratamento que os fios devem receber, nessa etapa também é importante ficar atento ao formato da barba. É possível que a lateral fique bastante volumosa. Portanto vá a um barbeiro. Nem tente tirar o comprimento com suas próprias mãos, no máximo corte parte do bigode para os pelos não entrarem na boca.

Barba Longa
Você vai continuar usando todos os produtos que usava quando o comprimento da barba era médio (shampoos, condicionadores, óleos e cremes). A diferença aqui é que os óleos deverão ser mais fortes para suportar o ressecamento, ainda mais forte. Além disso, o uso de balm é bastante aconselhável, já que ele os fios ficarão praticamente incontroláveis e esse produto ajuda a assentar e modelar a barba. Apesar de ter sua função mais voltada para a fixação/modelamento, o balm também é hidratante. Passar logo depois do óleo concentrado pode deixar a barba carregada e a pele mais sensível às espinhas e cravos.

Lembrete: Para evitar catástrofes, não poupe dinheiro com barbeiros. Vá naquele de sua confiança e não tire o comprimento com a tesourinha do banheiro.