Você sabia que maio é o mês internacional da masturbação? A comemoração teve origem nos Estados Unidos com o objetivo de diminuir o preconceito contra esta prática popular gplus
   

Você sabia que maio é o mês internacional da masturbação?

A comemoração teve origem nos Estados Unidos com o objetivo de diminuir o preconceito contra esta prática popular

Confira Também

Pode acreditar: maio, o mesmo mês do dia das mães - e por aqui também chamado de mês das noivas -, é considerado como o mês internacional da masturbação nos Estados Unidos.

Tenho certeza que muitos frequentadores de sites pornô abriram um largo sorriso lendo isso (ou talvez ainda seja a foto da bela atriz Sasha Grey lá em cima).

Muita gente ainda tem medo de tocar (ops!) nesse assunto porque é um tema envolto em preconceitos, principalmente entre pessoas mais puritanas. Sim, as mesmas que te disseram que masturbação fazia crescer pelos nas mãos ou provocavam espinhas. A verdade é que a masturbação existe, todos praticam e, cara, faz muito bem tanto fisicamente quanto mentalmente.

O mês comemorativo surgiu, ainda que sem querer, graças a Jocelyn Elders

No ano de 1994, Jocelyn era a primeira negra a assumir o cargo máximo dentro do Departamento Público de Saúde nos EUA quando, questionada pela plateia sobre a prática da masturbação durante seu discurso na ONU no Dia Mundial da Aids, disse que o ato era uma parte da sexualidade humana que merecia ser aprendida e estudada.

A declaração foi suficiente para acabar com a sua carreira prematuramente, sendo considerada uma demissão injusta por grande parte da população que a apoiava. A  demissão foi ironicamente feita pelo então presidente Bill "eu não tive relações com essa mulher" Clinton!

O acontecimento teve repercussão e começou a gerar uma ampla discussão a respeito da masturbação. O caso chegou até o conhecimento de uma empresa fabricante de vibradores e responsável por cursos sexuais de nome Good Vibrations que, ofendida pela demissão injusta da funcionária do governo, começou a levar o assunto para diversas discussões.

Por causa desse mês emblemático em volta do assunto "masturbação", a celebração teria sido criada em São Francisco e nos outros estados posteriormente e é celebrada até hoje nos EUA, de diferentes formas. Enquanto alguns preferem lutar em movimentos que incentivem os estudos a respeito da prática na vida das pessoas, outras preferem fazer uma prazerosa (foi irresistível) maratona de masturbação caseira ou em público mesmo, na chamada Masturbate-a-Thon, na qual os participantes (maiores de idade) demonstram toda sua técnica e experiência.    

O evento ainda não chegou ao Brasil devido ao grande preconceito em torno do tema, considerado um tabu, mas se algum dia o moda pegar (rezem, amigos!) com certeza não faltará gente disposta a encarar essa maratona com muita boa vontade.