Depilação masculina, como e qual região fazer Os homens também tem que se depilar. Cada parte do corpo exige um cuidado para agradar a si mesmo e à parceira gplus

AreaH - Baixe grátis na Apple Store

AreaH - Baixe grátis na Google Play

   

Depilação masculina, como e qual região fazer

Os homens também tem que se depilar. Cada parte do corpo exige um cuidado para agradar a si mesmo e à parceira

Confira Também

A depilação masculina está cada vez mais comum. Muitos homens têm aderido à moda e raspado os pelos do corpo todo. Alguns depilam por obrigação, como esportistas, já que os pelos podem atrapalhar no desempenho. Outros,  por opção: para se sentirem mais confortáveis e agradar a parceira. 

A opinião feminina é um pouco diversificada sobre o assunto. A maioria das mulheres costuma dizer que gostam dos homens depilados, mas não por completo. Segundo pesquisa feita pela revista Trip, 52% das mulheres sentiram mais prazer na hora do sexo oral e também da penetração quando os parceiros estão devidamente aparados. Confira quais regiões e como devem ser depiladas:

Sobrancelha, nariz e orelha
É sempre bom tirar os pelos dessas partes do corpo com certa frequência. Ninguém gosta de uma monocelha: fica beeem feio. Para essa região, o mais recomendado é a utilização da pinça ou da linha – esse segundo é melhor fazer com especialista. Nariz e orelha peludos também, vamos lá, não pegam bem. Existe até uma maquininha especial para essas regiões (chama-se trimmer) que é super prática e fácil de usar. 

Peito, barriga, costas e partes íntimas
Nessas regiões as opiniões divergem um pouco. Algumas mulheres gostam do homem “lisinho”, outras acreditam que um pouco de pelo é sempre um charme no corpo masculino. As mais radicais gostam da maneira natural e acham que nunca devemos tirar os pelos. O melhor é descobrir qual o gosto da sua parceira. 

Se a opção for tirar os pelos do corpo, você tem algumas opções - cada uma com vantagens e desvantagens. Além disso, dependendo da região do corpo é mais recomendado a utilização de algum método específico. Confira as principais possibilidades:

Lâmina de barbear
Uma das mais comuns e práticas. Mas preste muita atenção, pois existem lâminas especiais para cada parte do corpo. Utilizar lâminas mais afiadas em áreas mais sensíveis (como a parte íntima) pode ocasionar uma irritação forte, deixando a região avermelhada e coçando bastante. Pode usar em todas as partes do corpo, mas preste atenção para comprar a lâmina correta.

Maquininha
Criada originalmente apenas para raspar o cabelo. Hoje muitos homens usam para outras partes do corpo. É a maneira mais fácil de fazer, basta passar pelo corpo e os pelos vão sendo cortados. Não exige nem muito cuidado e atenção (apenas para deixar os pelos uniformes).  A desvantagem é que não corta os pelos até a raíz, portanto em pouco tempo eles já costumam estar grandes novamente. Serve para absolutamente todas as regiões.

Creme depilatório
Se parece com a lâmina de barbear, porém dissolve o pelo, por isso é um pouco mais agressivo. Mas cuidado, é muito comum causar reação alérgica, especialmente em regiões sensíveis (é uma boa testar em pequena quantidade para saber se você tem alergia antes de passar no corpo). Preste bastante atenção com o sol também, pois ele pode intensificar a alergia. Mais recomendado para pernas, costas e peitoral.

Cera quente
Método muito utilizado pelas mulheres e que os homens também estão aderindo. É um método rápido, porém doloroso. Por puxar os pelos pela raiz, demora bastante para voltar a crescer. Tem um bom custo benefício. Dá pra depilar qualquer parte do corpo com a cera.

Laser
É o mais agressivo, já que queima a raiz do pelo – e juntamente a pele. Exige algumas sessões, que não são nem um pouco baratas. A vantagem é a duração: os pelos podem demorar até três anos para voltar a crescer. Mais recomendado para os homens muito peludos. Melhor não usar em partes mais sensíveis, use para pernas, costas e peito.