10 dicas para não pagar mico na praia Verão é tempo de curtir mar, sol, praia e tudo que esse trio pode oferecer. Mas é bom ficar esperto para nao ser motivo de piadas gplus
   

10 dicas para não pagar mico na praia

Verão é tempo de curtir mar, sol, praia e tudo que esse trio pode oferecer. Mas é bom ficar esperto para nao ser motivo de piadas

Confira Também

Enfim é verão! Calor e praias lotadas são a oportunidade perfeita para se divertir, paquerar e, mesmo sem querer, pagar muitos micos. Que tal evitar passar vergonha enquanto curte o verão? Confira essas 10 dicas e aproveite!

#1 - Bolada nas costas
Praia é lugar de diversão e descontração. Curtir um futebol, portanto, está totalmente liberado. O que não vale é jogar bola nos outros. Afinal, ninguém espera virar alvo enquanto tenta se bronzear. Evite esse mico. Procure lugares menos aglomerados antes de armar seu golzinho ou jogar frescobol.

#2 - Não banque um peixe
Nada de dar uma de Michael Phelps se você mal sabe nadar cachorrinho. Quanto mais longe da costa, maior a chance de se afogar - mesmo se você souber nadar bem, é perigoso. Sua ideia de pagar de machão poderá ir por água abaixo (literalmente) e um salva-vidas ainda terá que fazer boca a boca para salvá-lo. Melhor não arriscar, né?

#3 - Areia nos olhos (e por toda parte)
Tempestade de areia é um fenômeno típico dos desertos, não das praias. Não crie uma por sua conta. Tome cuidado na hora de tirar a areia  da canga da sua namorada - nada de sacudi-la à vontade e jogar areia nos outros.

#4 - Fique esperto com a mulher do outro
É permitido paquerar na praia, lógico! Porém, antes de tentar esquentar seu verão com a mulher do guarda-sol ao lado, certifique-se de que ela não está acompanhada. Seja discreto se não quiser que alguém tire satisfação contigo e arme o maior barraco.

#5 - Devagar, amigo!
Epa, epa, epa! Nada de exageros na hora da pegação. Tenha noção que a praia é um ambiente público e familiar. Ninguém espera que seu filho de 5 anos presencie cenas dignas de Brasileirinhas enquanto constrói seu castelinho de areia.

#6 - Não morra de sunga branca
Seca, as sungas brancas podem até parecer inofensivas, mas basta um banho de mar para darem uma outra impressão. Quando molhadas, elas ficam mais transparentes, e a situação pode piorar se uma beldade passar por perto. Por segurança, não use sungas brancas!

#7 - Bronzeado camarão?
Essa dica já está batida, mas vale relembrar: use protetor solar. Além de prevenir dolorosas queimaduras e até o câncer de pele, seu uso lhe manterá longe daquele visual ridículo de camarão e evitará descamação da pele. 

#8 - Corra das assaduras
Correr com shorts molhado pode ser uma péssima ideia. Para evitar assaduras e ter que andar como um pinguim nas horas seguintes à corrida, deixe para entrar na água depois das atividades físicas e use protetor solar oleoso para evitar o atrito entre as coxas.

#9 - Não faça feio
Nada mais deselegante do que deixar lixo na areia. Coloque a sujeira em um saquinho ou procure uma lixeira para jogar os dejetos. Sujar a praia é, literalmente, uma falta de educação!

#10 - Abaixa o som!
Por último, mas não menos importante: nem a praia e nem os banhistas precisam de DJs. Portanto, não incomode seus vizinhos de guarda-sol com sua caixa de som. Se não consegue viver sem ouvir música, use fones de ouvido.